A importância das doações para o Lar

A importância das doações para o Lar

Em abril, termina o prazo para pessoas físicas fazerem a declaração do imposto de renda referente a 2017. Por isso, fizemos uma campanha que divulga como destinar parte do IR para projetos sociais por meio do Condeca.

Aproveitamos para falar sobre a importância de cada doação que recebemos e as diferentes formas de contribuir com os nossos projetos. Afinal, para sermos capazes de oferecer tantas atividades e oficinas socioeducativas para mais de 400 crianças e jovens, dependemos exclusivamente das doações de quem acredita no trabalho que realizamos há oitenta anos.

Existem diversas formas de contribuir, desde a destinação de parte do imposto de renda até a doação de um valor mensal ou pontual. O Lar das Crianças, por sua vez, busca sempre novas possibilidades, como a parceria estabelecida com a Presente Consciente, uma plataforma por meio da qual você pode fazer uma “festa consciente”, com presentes revertidos em doações para o Lar.

Para garantirmos a nossa sustentabilidade financeira, buscamos diversificar o máximo possível as fontes dos recursos que financiam os nossos projetos (veja o gráfico abaixo). Além das já citadas, trabalhamos com doações de empresas e fundações parceiras; doações de Associados CIP; eventos beneficentes, como o musical Os Produtores; e o Programa de Nota Fiscal Paulista, que permite repassar até 20% do ICMS para organizações da sociedade civil.

E não podemos esquecer dos nossos voluntários, já que poucas organizações contam com tantos como o Lar. Visíveis ou invisíveis aos olhos das crianças, eles formam um corpo de pessoas sem as quais o Lar não existiria. São captadores de recursos através da promoção de eventos, realização de bazares e elaboração de campanhas; doadores de conhecimento que ensinam inglês, moda, culinária e outras disciplinas às crianças e aos jovens; doadores de sonhos que cuidam da biblioteca, levam as crianças para conhecer arte, contam histórias, fazem bolos e mesas temáticas de aniversário, doam presentes e divertem as crianças. Doadores de afeto, que as escutam e ajudam a encontrar a si mesmas ou a acessar o conhecimento, seja pela terapia, pela psicopedagogia ou pela mediação de conflitos. Doadores de saúde, que atendem nossas crianças em seus consultórios. Doadores de seu próprio sonho, que é transformar a vida de nossas crianças e jovens.

Doando tempo, trabalho, recursos ou materiais, o importante é o carinho que vem com essa contribuição! O Lar tem um pouco de cada um que contribuiu como pôde e que, à sua maneira, nos permitiu chegar aos oitenta anos de uma história que nos enche de orgulho. Com nossos parceiros, estamos prontos para os próximos oitenta!

 

 


Sem Comentários

Adicione um Comentário